TECNOLOGIA GAÚCHA

 Durante escavações nos EUA, arqueólogos descobriram, a 100 m de profundidade, vestígios de fios de cobre que datavam de do ano 1000. Os americanos concluíram que seus antepassados já dispunham de uma rede telefônica naquela época.

 Os argentinos, para não ficarem para trás, escavaram também seu sub-solo, encontrando restos de fibras ópticas a 200 m de profundidade. Após minuciosas análises, concluíram que elas tinham 2.000 anos de idade. Os argentinos concluíram, triunfantes, que seus antepassados já dispunham de uma rede digital a base de fibra óptica quando Jesus nasceu!

 Uma semana depois, no Rio Grande do Sul, foi publicado o seguinte anúncio:

 “Após escavações arqueológicas no sub-solo de Bagé, Santa Maria, Pelotas, Vacaria, Chui, Rio Grande, Fagundes Varela, Vila Flores, Carazinho, Vila Maria, Itapuca e diversas outras cidades, até uma profundidade de 500 metros, os cientistas gaúchos não encontraram absolutamente nada. Eles concluem que os antigos gaúchos já dispunham há 5.000 anos de uma rede de comunicações sem-fio.”

“Não podemo se entregá pros home de jeito nenhum…tche!!!…

por Ricardo Postado em Geral

Alto Executivo..

Esta é a fábula de um alto executivo que, estressado, foi ao psiquiatra.
Relatou ao médico o seu caso. O psiquiatra, experiente, logo diagnosticou:

– O Sr. precisa se afastar por duas semanas da sua atividade profissional. O conveniente é que vá para o interior, se isole do dia-a-dia e busque algumas atividades que o relaxem.
Então o nosso executivo procurou seguir as orientações…
Munido de vários livros, CDs e laptop, mas sem o celular, partiu para a fazenda de um amigo.
Passados os dois primeiros dias, o nosso executivo já havia lido dois livros e ouvido quase todos os CDs.
Continuava inquieto. Pensou então que alguma atividade física seria um bom antídoto para a ansiedade que ainda o dominava.
Chamou o administrador da fazenda e pediu para fazer algo.
O administrador ficou pensativo e viu uma montanha de esterco que havia acabado de chegar. Disse ao nosso executivo:
– O Sr. pode ir espalhando aquele esterco em toda aquela área que será preparada para o cultivo. O administrador pensou consigo:
“Ele deverá gastar uma semana com essa tarefa”.
Ledo engano.
No dia seguinte o nosso executivo já tinha distribuído o esterco por toda a área.
O administrador então lhe deu a seguinte tarefa, abater 500 galinhas com uma faca.
Essa foi fácil em menos de 3 horas já estavam todas prontas para serem depenadas.
Pediu logo uma nova tarefa.
O administrador então lhe disse:
– Estamos iniciando a colheita de laranjas. O Sr. vá ao laranjal levando três cestos para distribuir as laranjas por tamanho.
Pequenas, médias e grandes.
No fim daquele primeiro dia o nosso executivo não retornou.
Preocupado, o administrador se dirigiu ao laranjal.
Viu o nosso executivo com uma laranja na mão, os cestos totalmente vazios, falando sozinho:
– Esta é grande. Não, é média. Ou será pequena???
– Esta é pequena. Não, é grande. Ou será média???
– Esta é média. Não, é pequena. Ou será grande???

Moral da história:
“Espalhar merda e cortar cabeças é fácil. O difícil é tomar decisões.” !!!!!!

por Ricardo Postado em Geral

Custa quase R$ 6.000,00 o litro e não dá nem para beber.

Já nos acostumamos aos roubos e furtos e ninguém reclama mais.

VOCÊS JÁ TINHAM FEITO O CÁLCULO?

O que é que custa quase R$ 6.000,00 o litro e não é nem para beber???
Resposta: TINTA DE IMPRESSORA!!!

Há não muito tempo atrás, as impressoras eram caras e barulhentas. A primeira impressora doméstica barata, a Elgin Lady 80, era bonita, minúscula e lenta, mas mesmo assim acessível.

Com o advento das impressoras a jatos de tinta, o mercado matricial doméstico morreu mais rápido que os dinossauros, pois todos foram seduzidos pela qualidade, velocidade e facilidade de uso da Cânon BJ600, da HP Deskjet 420C, entre outras.

Aí veio a grande sacada dos fabricantes: oferecer impressoras cada vez mais e mais baratas, e cartuchos cada vez mais e mais caros. Nos casos dos modelos mais baratos, o conjunto de cartuchos pode custar mais do que a própria impressora…

Olha só o cúmulo: pode acontecer de compensar mais trocar a impressora do que fazer a reposição de cartuchos.

VEJA ESSE EXEMPLO:

Uma HP DJ3845 é vendida nas principais lojas por R$170,00. A reposição dos dois cartuchos (10ml o preto e 08ml o colorido), fica em torno de R$130,00.

Daí você vende a sua impressora semi-nova sem os cartuchos por uns R$90,00 (pra vender rápido), junta mais R$80,00 e compra uma nova impressora e com cartuchos originais de fábrica e ainda economizará R$50,00!

Os fabricantes fingem que nem é com eles, dizem que é caro por ser tecnologia de ponta, transformam o simples ato de fabricar tinta em algo mais complexo do que coletar a 3a. Lágrima da Deusa-Loba dos Campos Elíseos, ou algo assim…

Enquanto a indústria de recarga viceja, vemos HP, Epson, Canon e Lexmark jurando que a tinta deles é melhor e que você não deve recarregar. Para piorar, de uns tempos para cá passaram a diminuir a quantidade de tinta (mantendo o preço)… Um Cartucho HP, com míseros 10 ml de tinta custa R$55,99.

Isso dá R$5,99 por mililitro.

Só para comparaão, Champagne Veuve Clicquot City Travelle custa R$1,29 por mililitro.

QUASE SEIS MIL REAIS POR UM LITRO DE TINTA !

Parece brincadeira. MAS É A TRÁGICA REALIDADE, O PREÇO EXTORSIVO QUE PAGAMOS.

UM ESPANTO!!!

Só acrescentando… As impressoras HP1410, 3920 que usam os cartuchos HP 21 e 22, estão vindo somente com 5 ml de tinta!!! Mas não é só HP. Com a Lexmark é a mesma coisa.

Só para lembrarmos, no tempo da HP 560C por exemplo a quantidade de tinta em um cartucho preto era de 40 ml !!!!

Isso deve ser combinado, CARTELIZADO! UM ABUSO!

por Ricardo Postado em Geral

Igreja distribui kit “benza você mesmo”

Do Yahoo Notícias

ROMA (AFP) – Diante da terrível escassez de padres, uma paróquia do norte da Itália está oferecendo aos fiéis um kit “faça você mesmo” para que eles possam benzer sua casa, uma tradição ainda muito arraigada na sociedade italiana, informa o jornal La Stampa nesta quarta-feira.

O pacote idealizado pela paróquia de Saluzzo, perto de Gênova, contém a imagem da Sagrada Família, o texto de uma oração e uma garrafinha plástica com água benta.

“Invocar a bênção do Senhor também pode torná-los chefes de família”, explicou o padre Michelangelo Priotto.

“Já é muito bom que a família se reúna para um momento de meditação. O pai deve ler a oração e, em seguida, fazer o sinal da cruz com a água benta em cada cômodo da casa”, acrescentou o pároco, que preparou cerca de 3.500 kits por causa de falta de padres na região.

por Ricardo Postado em Geral

Estaria eu ficando velho?

Pessoal, ou eu estou ficando velho e rabugento, ou realmente as coisas estão mudando.

Últimamente almoçar em restaurantes ou shoppings tem se tornado motivo de stress, pois a turma de adolescentes uqe neste horário saem das escolas e vão almoçar é bastante grande, até pela variedade de fast foods existentes nos shoppings.

Até aí nada de mais não?

Não. O problema é que todos querem falar ao mesmo tempo, e como não há outra alternativa para o ouvinte escutar, a conversa vai ficando cada vez mais alta, ao ponto de pessoas em mesas próximas simplesmente não conseguirem se entender.

Aí é que vem o stress. Imagine almoçar tranqüilamente, conversando amenidades, o ruído normal de qualquer restaurante, como barulho de pratos, um zum-zum das pessoas se comunicando. Isso é tudo que eu queria. Porém o que acontece é que servimo-nos e queremos comer rapidamente para saírmos dali.

Por esse motivo é que não sei se estou ficando velho, ou as pessoas estão mais sem educação, pois quando aprendi uma tal de “etiqueta”, deveríamos conversar falando tão alto quanto as pessoas a quem estivéssemos nos dirigindo pudessem ouvir. Não mais que isso.

Mas não culpo somente os adolescentes pela educação. Ela vem de casa, com o exemplo dos pais. O que se vê são pais que ao demonstrar sua falta de educação transmitem-na para os filhos, que acharão normal.

Um exemplo muito claro disso são os pais quando levam os filhos à escola, e param em fila dupla, atrapalhando todo o tráfego. Outro dia uma família em um restaurante falava tão alto, que um casal solicitou ao maitre que pedisse para falarem mais baixo.

Bem, chega de ser crítico hoje.

Outra hora eu volto para falar dos acidentes de trânsito, já que eu também fui premiado.

por Ricardo Postado em Geral

Migrando para software livre

John MaddogHoje tivemos uma palestra com John “Maddog” Hall no Conjunto Cultural da Caixa em Brasília, falando sobre a Migração para Software Livre (quase) Sem Traumas.

Muito bem apresentada, com notas sobre a migração, traduziu de forma clara como fazer a migração.

O que mais me deixou feliz, foi o fato dele usar em seu notebook a distro Ubuntu, que eu já uso há bastante tempo, e que foi mais fácil para sair do Windows para Linux.

Continuo recomendando para todos o uso do Linux, já que existem diversos aplicativos na forma GPL para uso doméstico ou profissional.

por Ricardo Postado em Geral

Nova tecnologia

HD portátilO T.One é o top em HD USB. Você terá 8 ou 12 gigas de armazenamento, e com USB 2.0 transferem altas velocidades de leitura e gravação. Surpreendente, cada T.One Microdrive tem um HD de uma polegada internamente.

por Ricardo Postado em Geral

Chuva ‘do além’ assusta moradores

Do G1, em São Paulo

Uma chuva de pedras, garrafas e copos com dentes de alho assusta moradores do Jardim Maia, na região de São Miguel Paulista, Zona Leste de São Paulo, há quatro dias. Na noite de segunda-feira (2), o bairro foi novamente alvo do misterioso fenômeno, segundo o “Jornal da Tarde”.

Junto com a chuva, moradores garantem que têm presenciado estranhos acontecimentos. Muitos relatam ter visto dois telhados se levantarem. De acordo com eles, assim que a chuva de pedras acabou, na madrugada de sexta-feira (30), um imenso “bicho branco” teria aparecido em um telhado e, durante 15 minutos, teria deixado um grupo em um tipo de transe.

“Ele aumentava e diminuía de tamanho. Tínhamos a impressão de que ele se transformava, mas não conseguíamos ver seu rosto, que ficava envolto numa névoa. Estou apavorada”, conta a dona de casa Angélica Fátima de Paula. A casa da família dela é uma das mais atingidas pelas pedradas misteriosas.

A moradora Maria Aparecida da Silveira teve o telhado da casa levantado, e vários vizinhos viram. “Só pode ser uma coisa muito ruim”, definiu. Na casa de Marinês Souza Silva, a situação é ainda mais grave: três copos com alho caíram no quintal. “Isso só pode ser bruxaria!”, diz Marinês.

Com medo, moradores já organizaram expedições noturnas em busca de um responsável pelos fenômenos. Nada encontraram. A polícia foi chamada ao local e confirma a chuva de pedras, mas também não encontrou “culpados”.

por Ricardo Postado em Geral